Tendinite dos isquiotibiais

Tendinite dos isquiotibiais: o que é e quais são os sintomas?

Você já ouviu falar sobre tendinite dos isquiotibiais? Este é um distúrbio mais comum em atletas profissionais e amadores, como jogadores de futebol. Outro grupo atingido é o de trabalhadores com funções que exigem força física, como aqueles que atuam na construção civil. 

Para entender melhor sobre o assunto, é importante conhecer a estrutura dos isquiotibiais. Confira o conteúdo, a seguir. 

O que é tendinite dos isquiotibiais?

Os isquiotibiais são um grupo de músculos e tendões localizados na parte de trás da coxa. São eles que possibilitam os movimentos de extensão do quadril e flexão do joelho, sendo essenciais na caminhada e na corrida. Por isso mesmo, essa é a região mais lesionada por atletas de corrida e futebol. 

Ainda sobre a estrutura dos isquiotibiais, eles são formados pelos músculos semitendinoso, semimembranoso e bíceps femoral. Os músculos ficam presos à pelve, tíbia e joelho pelos tendões isquiotibiais. 

Geralmente, quando esses tecidos são usados de forma excessiva, ocorre uma inflamação. Essa é a tendinite dos isquiotibiais. Entenda quais são os sintomas da lesão, a seguir.

Sintomas da tendinite dos isquiotibiais

Este tipo de inflamação causa bastante desconforto na parte inferior das costas, nádegas, coxa e joelho. Os principais sinais do problema incluem:

  • fraqueza muscular;
  • dor latejante e aguda;
  • sensação de ardência;
  • rigidez muscular;
  • inchaço;
  • sensação de calor na região afetada.;
  • piora da dor após determinado período de inatividade, como dormir ou ficar sentado por muito tempo, ou mesmo com a continuação da atividade responsável pela lesão.

Tratamentos indicados para a tendinite dos isquiotibiais

Em geral, o tratamento desse tipo de lesão não demanda mais do que repouso, compressas de gelo na área dolorida e elevação das pernas. Nos casos mais simples, o paciente se vê livre dos sintomas em até 72 horas. O médico pode indicar o uso de antiinflamatórios para controlar os sintomas. No entanto, caso os sintomas persistam por mais tempo, é necessário buscar ajuda médica. 

Para evitar novas ocorrências da lesão no dia a dia, é importante preparar os músculos antes de começar as atividades físicas. Isso é essencial, já que a tendinite pode enfraquecer os tendões e os músculos, deixando-os suscetíveis a novas inflamações.

Também é importante permitir que os músculos se recuperem totalmente, antes de reiniciar a atividade responsável pelo trauma. Assim, o indicado é reintroduzir a atividade física lentamente após a melhora da dor, começando com alongamentos leves. 

Por outro lado, se você sofre com episódios constantes de tendinite dos isquiotibiais, procure um médico especialista para evitar o desenvolvimento de distúrbios mais graves. 

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião de coluna vertebral em Cuiabá!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp