hérnia de disco torácica

Hérnia de disco torácica: sintomas e tratamentos

As hérnias de coluna não são uma nomenclatura tão desconhecida da população, por conta da grande quantidade de ocorrências. Infelizmente, esse é um problema que acomete muitas pessoas e é manifestado de diversas formas. As doenças de coluna, como a hérnia de disco torácica, são muito comuns por diversos motivos, dentre eles, frequência de movimentações incorretas, graves traumas, genética e idade avançada.

Os discos da coluna vertebral têm a função de absorver os impactos gerados pelo movimento. Eles estão localizados entre as nossas 33 vértebras. As hérnias são saliências provenientes do deslocamento do núcleo pulposo. Esse núcleo é um material gelatinoso que, agrupado ao ânulo fibroso (paredes cartilaginosas), é responsável pela composição dos discos.

Em outras palavras, as hérnias são uma alteração no bom funcionamento dos discos da coluna e, por consequência, comprometem a disposição das vértebras envolvidas no local lesionado, causando imenso desconforto para o paciente.

Selecionamos as informações mais relevantes referentes aos sintomas e tratamentos para essa doença, veja!

Quais são as causas e os sintomas da hérnia de disco torácica?

As causas mais comuns são o envelhecimento do disco e a ruptura do núcleo, chamada de origem crônica, e o trauma por movimento ou abrupto impacto, chamada de origem aguda. Há 2 tipos de hérnia: protusa e extrusa.

A 1ª surge quando o conteúdo pulposo está localizado no interior do disco, podendo evoluir para o 2º tipo (extrusa). A 2ª ocorre quando o núcleo pulposo avança para fora do disco.

Dentre as causas mais comuns para o aparecimento da condição, temos fatores como: envelhecimento, hereditariedade, traumas, maus hábitos, como sedentarismo, postura incorreta e tabagismo, e outros, como altos graus de obesidade.

A versão torácica da hérnia atinge as vértebras T1 a T12, que, tal qual o nome sugere, localizam-se no tórax. Como consequência, essa doença gera fortes dores nessa região, que podem irradiar para as costelas. Outro sintoma é a mielopatia, que consiste em sintoma grave que pode levar a  perda de força nas pernas.

Quais são os melhores tratamentos?

Os tratamentos para esse tipo de hérnia de disco são, normalmente, focados na diminuição da dor e na melhora da qualidade de vida do paciente. A depender do quadro clínico, pode haver prescrição de medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios. A fisioterapia,pilates e a acupuntura também são ótimas opções para alívio da dor e o tratamento do disco vertebral.

Em alguns casos, o médico indicará o procedimento cirúrgico, principalmente em situações mais delicadas. Normalmente em quadros em que há hérnia torácica com muitos sintomas, o estado do paciente é delicado. A cirurgia, portanto, visa à descompressão da medula e à promoção de uma maior estabilidade da coluna vertebral.

Agora, que já sabe bastante sobre a hérnia de disco torácica, você pode entender mais sobre a sua coluna e como evitar que esse quadro se desenvolva. Caso tenha algum dos sintomas citados, não hesite em procurar um médico especializado para atendimento o mais breve possível.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder os seus comentários sobre esse assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião de coluna vertebral em Cuiabá!

Comentários
Dr. Carlos Augusto Costa Marques

Posted by Dr. Carlos Augusto Costa Marques