cintilografia óssea

Cintilografia óssea: o que é e quando é indicada

A cintilografia óssea possui grande importância para a identificação precoce de tumores cancerígenos. Mas como funciona esse procedimento? Em que casos ele é indicado? As respostas a essas questões estarão neste artigo.

O que é cintilografia óssea?

É um tipo de exame em que o diagnóstico é realizado pelo uso de imagens e em que os órgãos são avaliados de maneira funcional, e não apenas morfologicamente. A primeira etapa da realização do procedimento consiste na aplicação de uma injeção intravenosa de radiofármaco 99mTc-MDP.

Passadas 2 horas de intervalo, é realizada a captação através do tecido ósseo (normal e patológico).

O registro das áreas de captação desse material é realizado através de uma câmera especial, que consegue detectar a radioatividade do material colhido, criando uma imagem do esqueleto. A captação óssea nas imagens feitas com a câmera tem proporção da atividade metabólica realizada no osso.

Vale destacar que, de todo o processo do exame, a aplicação da injeção do material radioativo é considerada a parte mais desconfortável. Esse material é eliminado através da urina. A quantidade de radioatividade utilizada para a execução do exame é baixa, o que não oferece risco algum para os pacientes ou acompanhantes.

Mas quando é indicada a cintilografia óssea?

O exame é utilizado para diagnosticar condições de saúde como: presença de tumores no osso ou câncer e presença de metástase (quando o câncer se espalha para os ossos). Os tumores que mais se espalham para os ossos são os cânceres de mama, no pulmão, de próstata, na tireoide e nos rins. O exame consegue destacar os danos causados pelo tumor no osso.

Esse instrumento de análise também possui a funcionalidade de diagnosticar possíveis fraturas. Isso acontece quando a mesma não pode ser vista através de um raio x comum ou ainda quando a fratura está provocando dores em outras partes do corpo, o que dificulta o diagnóstico preciso.

O exame também pode diagnosticar alguma infecção óssea e a causa da dor nos ossos, além de avaliar distúrbios metabólicos como hiperparatiroidismo primário e osteoporose.

Vantagens e contraindicações da cintilografia óssea

Uma das vantagens desse exame é a alta sensibilidade que ele possui, possibilitando a detecção de várias doenças de maneira precoce. A sensibilidade do teste também possibilita detectar com até 4 meses de antecipação a presença de lesões. Quando falamos especificamente do câncer de próstata, esse exame é considerada o melhor método para detectar metástase óssea.

Uma das maiores preocupações das pessoas é com a radiação utilizada nesse exame. Mas a quantidade injetada na veia é pequena e oferece um baixíssimo risco às pessoas. Essa radiação irá desaparecer do corpo dentro de 24 horas. Fique atento: a cintilografia óssea é contraindicada em caso de gravidez ou no período de amamentação.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre esse assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião de coluna vertebral em Cuiabá!

Comentários
Dr. Carlos Augusto Costa Marques

Posted by Dr. Carlos Augusto Costa Marques