bloqueio facetário

O que é bloqueio facetário lombar?

Para compreender o que é e qual a função do bloqueio facetário lombar, é preciso descobrir sobre o que se tratam as facetas articulares. Você conhece essa estrutura da coluna vertebral? Vamos explicar, a seguir.

O que são as facetas articulares?

As facetas são articulações da coluna, que ligam as vértebras. Elas são parecidas com dobradiças, inclusive em função. São as facetas que possibilitam os movimentos da coluna, como os torções para frente, para trás, além de podermos nos “dobrar” para ambos os lados da cintura.

Existem duas facetas articulares em cada vértebra, sendo um par voltado para cima (faceta superior) e outro para baixo (faceta inferior). Essas estruturas são formadas por tecido conjuntivo, cartilagem e produzem um líquido responsável pela sua nutrição e lubrificação.

Alguns distúrbios podem atingir essa região e gerar dores intensas nas costas: a dor ou síndrome facetária. Esse distúrbio é mais comum na região lombar, já que essa é a área em que ocorre a maior parte dos torções na coluna, gerando movimentos constante das facetas. 

Com o avanço da idade, é natural que as articulações sofram com a degeneração. Assim, as cartilagens se tornam mais finas, perdendo seu poder de estabilizar o contato entre os ossos. O resultado da degeneração das facetas é a deformação das vértebras que estão em constante contato, além de inflamações e dores intensas.

Nos idosos, é comum o desenvolvimento de artrose ou artrite na coluna, que podem atingir as facetas. Essas alterações podem causar o travamento das costas, além de dores crônicas ou agudas.

Para amenizar este problema, o cirurgião de coluna utiliza o método de bloqueio facetário, que iremos explicar a seguir.

Como é feito o bloqueio facetário lombar?

O bloqueio facetário lombar é utilizado para aliviar a dor lombar, além de servir como ferramenta para o diagnóstico da lesão responsável pelo sintoma doloroso nas costas. Em qualquer dos casos, o especialista em coluna utiliza uma injeção de anestesia local, ou outro medicamento, para bloquear a dor. 

Pacientes que realizam fisioterapia podem necessitar deste recurso para serem fisicamente aptos ao tratamento.

Por outro lado, quando utilizado para diagnosticar doenças, o bloqueio facetário lombar é feito com uma quantidade de anestésico suficiente apenas para o alívio imediato da dor. Isso ajudará o médico a determinar qual o local da coluna responsável pelo sintoma. 

Ou seja, caso não haja mais dor após a aplicação, então, a origem do distúrbio é a faceta articular. Do contrário, as investigações devem continuar, até que se determine a causa do problema.

Então, como é feito o bloqueio articular lombar? Primeiramente, trata-se de um procedimento simples e sem maiores complicações. O médico pode realizá-lo a nível ambulatorial. O procedimento é feito com sedação.

O local da aplicação é guiado com o uso de equipamentos de raio-x, para que a injeção seja feita no local certo. 

Confirmado que a agulha está na faceta articular, então, o médico aplica o anestésico e o anti-inflamatório diretamente na articulação, para reduzir a dor. Caso as facetas sejam as responsáveis pelos sintomas, então, o paciente terá alívio durante algumas horas. 

Se o bloqueio da faceta lombar não surtir efeito, outros exames devem ser solicitados para que a verdadeira causa do sintoma seja descoberto.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião de coluna vertebral em Cuiabá!

Comentários
Dr. Carlos Augusto Costa Marques

Posted by Dr. Carlos Augusto Costa Marques